terça-feira, 8 de maio de 2007

Das nuvens caí para o fundo do poço ...

Custa-me a crer que tudo isto voltou a acontecer na minha vida ... tão depressa recebi uma boa notícia, que me fez sonhar que era possível ser feliz ... e nem com o meu passado tenebroso, tive medo de acordar deste sonho ... o meu amor superou a razão, e a esperança fez-me acreditar que desta vez tinha tudo para correr bem ...
... Afinal não tinha ... mas porquê? ... não há respostas para mim ... apenas as mesmas frases de sempre, que de consolo não têm nada ... tu és nova ... aconteceu o que tinha de acontecer ... Deus sabe o que faz ... e ... finalmente ... força, tu vais conseguir ... este é definitivamente o que me custa mais ouvir, onde é que estão as forças de alguém que passa repetidamente por esta situação, um dia tenho tudo, no outro não tenho nada ... e vou conseguir, como? onde? quando? ...
Não sei o que fazer ... é um turbilhão de sentimentos que me faz sentir isolada, revoltada, triste, decepcionada, sem força para nada ... custa-me tanto sentir-me assim ... revolta-me a minha infelicidade tanto como a felicidade dos outros ... por isso não quero estar com ninguém, não quero ir trabalhar (ver todos os dias bebés) ... só quero estar sozinha ... nunca pensei voltar a sentir-me assim ... e à terceira vez, sinto-me outravez, egoísta, má pessoa e não sei que mais ... é muito mau ...
Preferia mil vezes nunca ter conseguido engravidar, do que ter passado uma vez por isto ... quanto mais três ...

6 comentários:

docinho disse...

Não sei que te diga... acredito que seja muito difícil entender... aceitar... o mundo é muito injusto... tantas vezes...
Lamento... mas não quer ver-te baixar os braços... deixar de acreditar!
Isso não!

Beijos carinhosos

Martinha disse...

Não tenho resposta à tua pergunta, nem posso dizer que compreendo o que estás a passar...Não há nada que possa dizer que te faça sentir melhor.
Beijocas grandes.

paula disse...

existem muitas maneiras de ser mãe. podes te propor à adopção - são muitos os casos em que depois de se ter um filho adoptivo se tem um biologico - e é importante que não percas essa tua capacidade de amar, cuidadar.. e que te entregasses a outras coisas _ a nossa vida não pode girar em todo de um só ponto/objectivo. e também não te feches sobre ti propria..

As minhas melodias disse...

Olha linda...
No teu lugar não descansava era em saber a razão!
Tenho uma amiga a quem isso acontecia sempre na mesma semana de gestação (4 vezes) até que o médico lhe deu uma medicação especial e...hoje está cá o lindo Francisco.
Não te digo "força" mas digo: coragem para pesquisar e lutar.
Bjs

lost disse...

Nem sei o que te dizer, mas sabes que podes contar com o apoio destas tuas amigas virtuais.
A vida prega-nos partidas inexplicaveis, não há direito tu não merecias, que revolta possas porquê, porque há tantas injustiças, pessoas que se amam e desejam tanto um filho têm que passar por isto, não está certo.
Beijocas

Mami & Papi disse...

Sei que neste momento não existem palavras que te possa dizer e que te possam aliviar essa dor... mas mesmo assim quero estar presente... quero deixar-te aqui um abraço forte, sem palavras...

E acredita que ás vezes encontramos forças não sei onde, não sei como... mas encontramos...

1 Abraço
Mónica